Relacionamento a distância – 7 coisas que precisar saber ao entrar

Quando o relacionamento a distância estão apenas começando, acreditamos sinceramente que tudo ficará bem. Parece que a frente está a felicidade sem fim e o amor sem fundo. Talvez seja, mas pedras subaquáticas certamente se encontrarão neste caminho. Se você souber com antecedência, poderá evitar muitos erros. Nós selecionamos várias dicas importantes de livros sobre relacionamentos – nós compartilhamos.

1-Aprender a falar é mais fácil do que ler pensamentos

Muitas vezes, no início de um relacionamento a distância, nós nos dirigimos facilmente para um parceiro e não falamos sobre o que queremos. No começo, tudo está indo bem, mas com o tempo se torna um hábito – e agora estamos com raiva de nossa alma gêmea pelo fato de que tudo de novo não seguiu o nosso plano. E então cometemos o erro número 2: preferimos sofrer em silêncio, em vez de falar com calma e abertamente.

Nossos parceiros não precisam saber o que queremos, se não explicarmos nada. Ninguém pode ler mentes. A convicção de que uma pessoa deve “adivinhar a si mesmo” é um caminho seguro para o fracasso. Para conseguir o que você quer, você precisa aprender a articular suas necessidades. Não é fácil, mas ainda é mais fácil do que ganhar habilidades psíquicas, certo?

2-Você pode não saber algo

Tendemos a pensar que entendemos perfeitamente os motivos e sentimentos de um parceiro e podemos dar a eles o que eles precisam. Mas todas as pessoas são diferentes: o que é óbvio para um pode vir a ser um parafuso do azul para outro.

Tirar conclusões com base em suposições é prejudicial para os relacionamentos. Nunca será supérfluo esclarecer se você entendeu seu ente querido corretamente, se ele queria e como você deve fazer para agradá-lo.

3-O objetivo da disputa não é vencer, mas chegar perto

Cada par tem diferenças e disputas. Desde a infância, somos ensinados a argumentar a fim de provar a razão. Lute pela vitória. Mas essa não é a abordagem mais construtiva e pode causar danos consideráveis ​​ao relacionamento. Você vai ganhar muito mais se você definir uma meta em disputas para não vencer, mas para se aproximar. Não culpe um ao outro, mas encontre uma solução para o problema.

4-Todo mundo precisa de uma pausa

No calor da discussão, as emoções chegam ao limite e é difícil para nós resistir a palavras ofensivas. Em tais casos, é útil tirar tempo. Estudos têm mostrado: um respirador deve durar cerca de 20 minutos – muito é necessário para dissolver os hormônios do dilúvio emocional.

É melhor não pensar nas qualidades negativas e positivas da sua metade durante o tempo limite, mas … apenas para se distrair. Olhe pela revista, pense em futebol ou compras – sobre qualquer coisa, não apenas sobre a pessoa e a conversa que causou uma onda de emoção. Pensamentos distraídos retornarão a capacidade de falar construtivamente.

5- Cinco elogios em uma observação

O psicólogo John Gottman pode prever, com uma precisão de até 90%, quais casais dos recém-casados ​​ficaram juntos e quais se divorciaram. Como ele faz isso? O principal indicador é a proporção de afirmações positivas e gratas com negativo e crítico. A proporção ideal é cinco elogios em um comentário crítico.

Assim que o período de doces e buquês passa e o relacionamento se torna “sério”, muitas vezes deixamos de dizer uns aos outros o que gostamos um do outro e nos concentramos em fraquezas. Não se esqueça de dizer que você aprecia – verá, faz maravilhas.

6 – Não dance “dança negativa”

A coisa mais importante que procuramos em um relacionamento a distância é a proximidade emocional e a sensação de segurança. Quando não são suficientes, os casais são frequentemente incluídos na “dança negativa”: um parceiro exige e culpa, e o outro defende e rejeita.

Sair da dança é difícil, porque os movimentos de um levam à armadilha do outro. Os ataques forçam a pessoa a recuar. Remoção provoca ataques. Tente notar a dança desde o início e lembre-se de que há uma necessidade de intimidade e confiança de que o relacionamento é forte. Às vezes, abraçar e ouvir um parceiro é a melhor coisa que você pode fazer.

7- Crie momentos de intimidade

Apaixonando-nos, sintonizamos automaticamente o objeto de adoração. Mas o tempo passa – e nos tornamos menos atentos, começamos a tomar tudo como garantido. Para desenvolver relacionamentos e ficar mais forte, você precisa ser capaz de sintonizar um parceiro, como nos primeiros dias do romance.

Como fazer isso? Conscientemente crie momentos de intimidade e envolvimento. Não se esqueça de contar ao seu parceiro sobre seus sonhos e desejos, sobre o que assusta ou preocupa você, sobre o que você quer dele e do relacionamento. Seja interessado em seus sonhos e medos. Então o fogo do amor queimará longo e brilhante.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *