Pular para o conteúdo

O Bradesco Dental é um dos serviços oferecidos pelo Bradesco Saúde que mais ganha clientes e fãs a cada dia.

Nesse sentido, recebemos algumas dúvidas de leitores sobre o tema. Afinal, será que compensa investir nesse serviço? E como podemos contratá-lo?

Se você também deseja proporcionar atendimento odontológico aos seus colaboradores ou para a sua família, precisa ler nosso post de hoje.

Enfim, confira abaixo tudo sobre o Bradesco Dental e se gostar do que ler, veja como contratar esse serviço. Tenha uma excelente leitura!

O que é o Bradesco Dental?

Antes de mais nada, saiba que o Bradesco Dental é um dos serviços oferecidos pelo Banco Bradesco.

Atualmente, se trata de um plano odontológico ideal para empresas (que tenham mais de 3 funcionários) e para qualquer tipo de família.

Nesse sentido, os planos disponíveis atendem crianças, jovens, adultos e idosos. Ou seja, é uma excelente opção para os brasileiros que querem ter uma ótima saúde bucal sem precisar gastar muito.

Benefícios de contar com o Bradesco Dental

Sob o mesmo ponto de vista, existem vários benefícios e vantagens em ter um plano desse banco. Veja só os grandes destaques e avalie se já não é hora de contratar o Bradesco Dental:

  • Primeiramente, há cobertura para consultas iniciais e diagnóstico de possíveis problemas;
  • Bem como, os planos cobrem todos os tipos de radiografias odontológicas. Inclusive as chamadas panorâmicas;
  • Ademais, há investimento pesado em prevenção. Desse modo, você poderá contar com polimentos e aplicação de flúor e/ou de selantes;
  • Restaurações e inserção de resinas também estão disponíveis para os clientes dos planos;
  • Atualmente, os planos também cuidam de áreas como Endodontia (tratamento de canal) e Periodontia (tratamento de gengiva);
  • Dentre outros tipos de coberturas. Para saber mais detalhes, você pode acessar o site do Bradesco e se inteirar do assunto.

Média de preços dos planos

Além disso, os preços dos planos que estão disponíveis atualmente chamam bastante a atenção. Dessa forma, confira os preços e os tipos de planos abaixo:

  • Plano Dente de Leite (0 a 7 anos de idade): R$ 23,90 por mês ou R$ 239,90 (Desconto + carência reduzida);
  • Plano Dental Júnior (8 a 17 anos de idade): R$ 27,99 por mês ou R$ 279,90 (Desconto + carência reduzida);
  • Plano Dental Ideal DOC (atende a todas as idades): R$ 49,90 por mês R$ 499,00 (desconto + sem carência).

Existem ainda opções super vantajosas para empresas. Entre em contato com o banco e saiba mais.

Afinal, como posso contratar o Bradesco Dental?

Por fim, você vai saber agora como pode contratar esse serviço! Para isso, você pode acessar o site e escolher a opção que melhor se enquadra para você e sua família.

Contudo, se preferir, pode também ligar para o 4004 2781 e informar que deseja contratar um plano dental. Boa sorte!

Muito bom os planos e funcionalidades do Bradesco Dental, não é mesmo? Se você gosta de saber mais sobre instituições financeiras e serviços, acompanhe o nosso portal todos os dias.

Afinal, as melhores matérias sobre esses temas estão aqui. Conte sempre conosco!

Uma massagem após uma fase estressante tem um efeito relaxante. No entanto, isso não se deve apenas à execução física, mas também ao seu olfato. Certos óleos essenciais podem ter efeitos positivos nos músculos, mas também no bem-estar e na saúde.

Mais relaxamento, alívio de doenças e um humor melhor - todos esses efeitos foram alcançados com o uso de óleos essenciais. Certos cheiros têm um impacto em sua psique - e em seu corpo. Como funciona? Uma visão geral:

O que é aromaterapia?

Como parte da fitoterapia (fitoterapia), os óleos essenciais devem contribuir para o tratamento de doenças e distúrbios. Nesse sentido, você provavelmente já está familiarizado com banhos frios, lâmpadas de fragrância e óleos de massagem.

Óleos essenciais - efeito?

As fragrâncias podem agir em você de maneiras diferentes. Por exemplo, sobre seu olfato.

1. Sentido de olfato

A percepção sensorial tem vários efeitos colaterais: sentimentos, memórias e influências reflexivas. Uma das razões pelas quais é usado em massagens de aromaterapia.

2. Inalação

Os óleos essenciais também podem ter um efeito direto sobre você e seus órgãos quando são usados ​​para inalação ou ingestão, através de um difusor de aromas. Diz-se que o óleo de laranja e limão tem um efeito estimulante e o óleo de lavanda tem um efeito calmante.

 3. Pele 

Aplicados diretamente na pele, alguns óleos essenciais promovem a cicatrização de feridas. Por exemplo, na pele manchada ou seca e também na acne, os óleos essenciais podem obter excelentes resultados devido ao seu efeito antioxidante. Eles também são particularmente úteis na luta contra as rugas. 

4. Antibiose biológica

“Antibiose biológica” significa óleos aromáticos puros e ervas, bem como especiarias com propriedades antibióticas, que são adequadas para o tratamento de infecções leves. Você pode tomá-los por via oral, inalar ou desfrutar do ar enriquecido.

De que são feitos os óleos essenciais?

As substâncias naturais são altamente concentradas e evaporam facilmente. Minúsculas gotículas de óleo são extraídas do tecido de certas plantas por destilação a vapor. Podem ser flores, agulhas, sementes e folhas.

Possíveis usos para sintomas

  • Resfriados;
  • Dor muscular;
  • Dor de cabeça;
  • Dores no corpo;
  • Insônia e apatia;
  • Náusea e indigestão;
  • Estresse, medo, inquietação;
  • Sintomas menstruais e da menopausa.

Onde e como você pode usar óleos essenciais?

Na pele

Você pode usar óleos essenciais não apenas como óleo de massagem, mas também nos cuidados faciais e corporais. É importante que você use apenas diluído na pele. Os efeitos colaterais podem se manifestar em irritação da pele ou reações alérgicas. 

Por esse motivo, os óleos essenciais devem ser totalmente evitados para crianças pequenas. Para o cuidado facial, você pode misturar óleos diferentes, dependendo do tipo de pele, uma base diferente e um óleo especial diferente são usados. Óleo de amêndoa e jojoba são particularmente adequados para a base . 

Óleo para corpo ou rosto

Se você faz um óleo para o corpo, a proporção da mistura é diferente do que para o rosto. Por exemplo, para cada 50 mililitros de óleo básico para o rosto, há apenas cerca de uma a duas gotas de óleo essencial, com um óleo de massagem pode  chegar a dez gotas.

Efeitos e áreas de aplicação de óleos essenciais

Levantamento de humor

Todos os tipos de  óleo cítrico são usados ​​aqui, seja  laranja, toranja, limão, bergamota, limão ou tangerina. Essas notas aromáticas elevam o humor, promovem a concentração e trabalham contra o estresse e a apatia. O óleo de Ylang-Ylang  ainda aumenta a produção do hormônio da felicidade serotonina - um impulso para o desempenho.

Fortalecendo o sistema imunológico

Se quiser ficar em forma ou aliviar um resfriado durante a temporada de gripe, você pode inalar o óleo da árvore do chá, pois ajuda a fortalecer o sistema imunológico. A inalação do óleo de salva proporciona alívio dos sintomas típicos do resfriado e a  essência de eucalipto  é um bálsamo para as vias respiratórias irritadas, que alivia tosses irritantes e coriza. O eucalipto também tem efeito antibacteriano e estimula a circulação.

Alívio da dor

O óleo de camomila anti inflamatório é usado para problemas de estômago, dores menstruais, dores musculares e - porque promove a cicatrização de feridas - também para dores de dente. O óleo de hortelã-pimenta versátil é refrescante, ajuda com dores de cabeça, tonturas e dores de estômago. 

Em uma mistura, também pode ser bom para dores musculares, entorses e contusões. Como o óleo de lavanda e o óleo de  sálvia têm um efeito antiespasmódico e promovem a circulação sanguínea, eles podem ser usados ​​para cólicas menstruais.

Paz, equilíbrio e bom sono

O óleo de lavanda  proporciona paz interior, acalma e tem um efeito de equilíbrio. É por isso que é usado principalmente para inquietação e dificuldade em adormecer. O óleo de rosa tem um efeito harmonizador, ajuda nos problemas do sono e é conhecido por ter um efeito positivo no humor depressivo.

O óleo de camomila tem um efeito relaxante e calmante e é usado para distúrbios do sono e ansiedade. O óleo de sândalo e cedro deve ajudar com a tensão, o estresse e a sobrecarga.

Regeneração da pele e anti inflamatório

Por causa de suas propriedades anti inflamatórias, o óleo da árvore do chá é ótimo para combater manchas. Os benefícios anti-sépticos e anti bacterianos também são usados ​​para picadas de insetos, queimaduras de sol e pele irritada. 

A propósito, o óleo de lavanda também ajuda contra queimaduras solares e coceira. O óleo de rosa é particularmente popular no cuidado facial. O perfume delicado e as propriedades regeneradoras são responsáveis ​​pelo fato de poder ser encontrado não só em cosméticos naturais, mas também em drogarias e cosméticos de luxo. Essa popularidade por si só sugere algum efeito.

As doenças bucais, em grande parte, estão relacionadas à falta de boas práticas de saúde e higiene bucal, ações que devem estar presentes na rotina ao longo do dia, ou realizadas regularmente, como a ida ao profissional, seja ele de convênio ou clínica particular.

Inclusive, hábitos que parecem inofensivos podem, na verdade, progredir para um quadro avançado de placa bacteriana, além de causar um risco de complicações bem graves à boca e até em outras áreas do corpo.

As doenças bucais mais comuns são:

  • Cárie;
  • Halitose;
  • Gengivite;
  • Periodontite;
  • Câncer bucal.

Isso porque, em sua maioria, a causa principal dessas doenças é a presença da placa bacteriana na boca. 

Esse acúmulo de bactérias pode fazer com que elas se proliferem, agredindo a cavidade e  podendo afetar os demais tecidos, como o sistema cardiovascular. 

Para evitar essas doenças e complicações que podem ocorrer, algumas práticas podem ser adotadas, garantindo a saúde bucal e um sorriso mais bonito, bem como o melhor funcionamento de todo o corpo.

Doing professionally. Smiling pretty woman is having her teeth examined by dentist in clinic.

Alimentação balanceada

Primeiramente, uma alimentação balanceada diz respeito às refeições que contemplam todos os nutrientes necessários para o bom funcionamento do corpo e para garantir mais saúde, inclusive para a cavidade bucal.

Portanto, é preciso priorizar alimentos ricos em cálcio, fibras, ferro e vitamina D para que os dentes estejam mais limpos e fortes.

As fibras estão presentes em frutas como a maçã e a laranja e, além de limparem os resíduos alimentares presos na estrutura dental, estimulam a produção da saliva, que protege e regula a mucosa. 

Já o cálcio, assim como o ferro e a vitamina D, atuam de modo a deixar os dentes mais resistentes e repor o esmalte dentário - intacto e renovado. 

Por esse motivo, figuram entre os alimentos recomendados para compor as refeições diárias:

  • Couve;
  • Espinafre;
  • Cenoura;
  • Leite;
  • Queijo;
  • Oleaginosas;
  • Ovo.

Escovar os dentes

Todas as pessoas devem escovar os dentes ao final de cada refeição, no mínimo três vezes ao dia. Essa é a melhor forma de prevenção de doenças, pois a higienização é a principal prática para preservar a cavidade e remover/controlar as bactérias presentes na cavidade.

A escovação deve ser feita utilizando pouco creme dental (quantidade do tamanho de um grão de ervilha), utilizando escova de cerdas macias e fazendo movimentos verticais ou circulares da gengiva para fora, de modo a retirar os resíduos e bactérias presentes nas estruturas.

Após escovar todos os dentes, o que deve levar cerca de dois minutos, deve-se escovar a língua em movimentos de vai e vem.

Uso do enxaguante bucal

Ao final de cada escovação, é preciso bochechar entre 20 e 30ml de enxaguante bucal por cerca de 30 segundos para finalizar a higienização e evitar que as bactérias ajam por um maior período. 

É importante salientar que após o bochecho, não se deve passar água na boca para não retirar o efeito do produto, que além de remover as bactérias em espaços de mais difícil acesso é crucial para proteger a mucosa a longo prazo.

Uso do fio dental

O uso do fio dental é fundamental e deve ser feito diariamente para remover resíduos e bactérias que estão em lugares em que a escovação não alcança, como próximo à gengiva e entre os dentes.

Para uso do material, deve-se utilizar o dedo indicador e o polegar das mãos para apoiar o fio e passá-lo entre os dentes e próximo à gengiva.

O indicado é utilizar 40 centímetros de fio, passando-o entre os dentes com cuidado para não ferir a gengiva. 

Ir ao dentista com frequência

Todas as pessoas devem ir ao dentista regularmente, em prazos de aproximadamente seis meses entre as consultas.

Apesar disso, muitos ainda não conseguem realizar as visitas nos prazos determinados e isso ocorre por diferentes motivos, como o custo do acompanhamento que tende a ser mais elevado por meio de consultas particulares.

Por isso, pode ser interessante que as pessoas recorram e priorizem o benefício do plano odontologico empresarial, verificando junto a empresa a oferta de tal serviço.

Isso porque, quando oferecido pelo negócio em que atua, diferentes vantagens podem ser agregadas, como custos ainda mais reduzidos e até a possibilidade de coparticipação.

Além disso, o convênio facilita e otimiza os retornos, já que os agendamentos podem ser feitos com mais facilidade, reduzindo os riscos do desenvolvimento de doenças bucais.

Isso porque as consultas ao dentista a cada seis meses podem manter a saúde bucal do paciente, identificando possíveis ofensores e tratando-os antes que se agravem.

Além disso, o profissional pode vistoriar os dentes, se precisa de alguma intervenção, limpeza do tártaro ou a aplicação do flúor, deixando a arcada resistente por mais tempo. 

Com um convenio odontologico empresarial ou individual, ainda, os pacientes possuem acesso a recursos como a radiografia, que consegue localizar problemas que podem estar em locais de mais difícil acesso ou visualização, promovendo um cuidado mais preciso. 

Além disso, são diversos os procedimentos que um plano pode cobrir, indo desde os mais básicos e de acompanhamento até cirurgias e tratamentos mais invasivos. Mais ainda, há pacotes que oferecem acesso aos tratamentos estéticos, ampliando os cuidados com a cavidade.

Já para quem não é colaborador CLT de alguma empresa mas presta serviço ou possui CNPJ, ou seja, é um Microempreendedor, também existe a modalidade do plano odontologico para MEI, que também cobre os procedimentos básicos regulados pela Agência Nacional de Saúde (ANS) por um preço e forma contratual compatível com as necessidades do empreendedor individual. 

Ter um plano odontológico

Como pode ser percebido, as consultas são fundamentais para o acompanhamento da saúde bucal e realização dos procedimentos, sejam eles necessários para restabelecimento da mordida ou um desejo para melhorar sua estética.

No entanto, já parou para pensar o quanto custa cada consulta individualmente? 

São idas a cada seis meses, sem contar os procedimentos e acompanhamento que podem ser necessários para recuperar a cavidade oral, sendo que cada um dos procedimentos terá um valor complementar.

Com um plano odontologico, o custo será reduzido, já que o pagamento do serviço é feito mensalmente, garantindo o acesso a diferentes tratamentos.

Além disso, a contratação do convênio traz uma maior segurança para o beneficiário, já que ele terá atendimento garantido em qualquer situação emergencial, independentemente do tempo de carência, conforme garantido pela ANS.

Mais ainda, o paciente, caso queira realizar algum procedimento dentário que não está incluso no contrato com a operadora, pode negociar com a empresa fornecedora do plano odonto empresarial ou individual formas de adicionar o tratamento.

Do mesmo modo, é possível realizar o atendimento particular com a clínica que já possui um relacionamento por meio do plano, podendo ter acesso à parte do valor investido se cumprir as diretrizes para restituição pelo plano. Com isso, procedimentos como o clareamento dental podem ser feitos com mais facilidade.

Portanto, ter a garantia de mais qualidade de vida inclui ter atendimento odontológico adequado e que garanta um sorriso bonito e saudável, prevenindo doenças e aumentando a autoestima, afinal, o sorriso é o principal cartão de visitas que uma pessoa pode ter. 

Assim, seja por meio de um plano dental para MEI, individual ou empresarial, aqueles que desejam evitar a manifestação de doenças bucais precisam considerar a contratação do serviço para cuidar da saúde dos dentes, além de aliar os cuidados diários de higienização aos serviços do convênio.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Networkflow, especializada em materiais para network, empreendedorismo e dicas para a saúde e qualidade de vida.

Cafeína ilimitada, uma comunidade agitada, terraços ao ar livre com wi-fi inabalável e a opção de ganhar dinheiro com um cachorro no colo. Parece um bom ambiente de trabalho?

De acordo com o relatório de coworking global do GCUG, mais de três milhões de profissionais teriam dito sim no ano passado- e o número de colegas de trabalho no mundo quase dobrará no ano que vem. Seja para evitar se tornar a carne de um sanduíche humano durante o trajeto, fingindo estar engajado durante reuniões desnecessárias ou simplesmente vinculando a produção a uma hora do dia, o aumento dos escritórios de coworking e da demanda por flexibilidade profissional não é uma tendência nova - é a nova norma.

Com mais de 30.000 espaços de trabalho flexíveis e alternativos em todo o mundo , não faltam locais de coworking para abrir uma loja. Mas o que o torna o melhor escritório de coworking e o que faz com que os empreendedores criativos voltem para um local de escritório para mais? Compartilhamos nossos três principais abaixo.

 

Uma comunidade forte

Os humanos são criaturas sociais e quando se trata de bons negócios (iniciantes e em geral) a colaboração é fundamental. De acordo com o Beework, 40% de todos os membros do espaço de cowork são indivíduos e, embora possa ser ótimo não ter mais um chefe de microgerenciamento por cima do seu ombro, trabalhar constantemente sozinho pode ser um negócio isolado.

Um bom escritório compartilhado ou ambiente de coworking conecta você com outras pessoas que pensam como você (sem política) e oferece muitas oportunidades de networking; você será capaz de sentir a energia de uma comunidade forte assim que entrar pela porta. Fique atento aos escritórios com um calendário social e eventos em grupo, como bebidas às sextas-feiras ou aulas na hora do almoço. O tênis de mesa também ajuda.

Nasia, membro do Coworking Webtrends, uma designer gráfica de 26 anos, disse: “A localização era importante para mim inicialmente, mas as pessoas são o que me faz voltar. Estar cercado por criativos divertidos, enérgicos e inspiradores é ótimo para minha produtividade - e todos eles têm ótimos conselhos de freelancer! ”

 

Uma equipe igualmente forte

Em qualquer escritório, uma boa cultura começa do topo. Em um escritório de coworking, tudo começa com a equipe - também conhecidos como gerentes de comunidade. Como afirma officernd , “a hospitalidade é o alicerce essencial dos escritórios de coworking”. Um rosto sorridente e uma saudação calorosa atrás da recepção definirão o tom do seu dia, e uma equipe forte promoverá boa energia e conexão dentro da comunidade de coworking.

O Gerente de Marketing do Beework Jo, disse: “Eu amo o CoWorking. Principalmente pelas pessoas e flexibilidade. Eu fico rodeado e trabalho com muitas pessoas de diferentes setores. É inspirador e interessante porque você nunca sabe quem vai conhecer. Fazer parte de uma comunidade como essa definitivamente ajudou a aumentar minha rede e fiz alguns bons amigos. Existem tantas possibilidades para você e para os outros ao fazer parte de um escritório de coworking como este. ”

 

Mantenha a conveniência

Com tantos locais de coworking ao nosso alcance - ou a uma curta distância, se você tiver sorte - a conveniência é fundamental. Isso inclui:

Localização Procure por espaços compartilhados em um local acessível com muitas opções de transporte público nas proximidades. Se você aderir ao Beework, a proximidade de bares e restaurantes também deve ser considerada.

Preço Se você está trabalhando para si mesmo - ou apenas começando - ser frívolo com as finanças não é uma opção. Claro, uma decoração digna do Instagram e bebidas gaseificadas sofisticadas na torneira são legais - mas será que elas realmente justificam pagar centenas a mais por mês?

Instalações Estamos falando de cozinhas, chuveiros, wi-fi e muito mais; há muitas variações por aí - portanto, faça pesquisas para ver quais instalações de escritório são mais importantes para você.

O membro e empresário do Coworking Webtrends, de 35 anos, disse: “Eu não queria sentar em um café ou trabalhar em casa. Aqui há ótimas instalações, um ótimo grupo de pessoas, os gerentes de comunidade são solidários, é econômico e você consegue seu próprio endereço comercial. O que há para não gostar, realmente? "

A cidade de Búzios no Rio de Janeiro vem cada dia mais se tornando a cidade preferida de pessoas que buscam melhor qualidade de vida.

Milhares de pessoas estão migrando dos grandes centros para a cidade litorânea. Nos finais de semana é possível notar o grande volume de pessoas que estão fincando residência na cidade.

A busca pela qualidade de vida se tornou cada vez mais importante, as pessoas estão pensando mais na saúde e cada dia mais se afastando dos centros populosos.

O contato com a natureza tem atraído visitantes a Búzios, sem falar nas suas praias paradisíacas.

Estar em contato com a natureza, com o verde, respirar ar puro sem qualquer poluição é uma das formas adotadas para evitar doenças respiratórias.

Notamos que a rede hoteleira da cidade tem recebido muitos hospedes que estão migrando para cidade.

Algumas pessoas relatam que a hospedagem barata em Buzios tem atraido muitas pessoas para a cidade. Hostel em Buzios está cada dia mais dificil encontrar algum vazio.

Tudo isso por conta da busca do bem estar e qualidade de vida.

Ficar uma temporada em Hostel se tornou uma oportunidade mais em conta para quem pretende economizar.

Era imaginável que as cidades com destinos turísticos no Rio ficassem vazias. No entanto, muitas comunidades na região de Serra e Lagos acolhem famílias que podem praticar o isolamento social em casas mais espaçosas. Nesses casos, as pessoas recorreram não apenas ao conforto, mas à segurança, distanciando-se da capital, epicentro da disseminação do coronavírus no estado.

De acordo com o último balanço da Associação dos Hotéis do Estado (ABIH-RJ), o município é uma das cinco cidades mais procuradas pelos turistas na passagem de ano, apesar da pandemia.

Pelo menos 88,75% dos quartos de hotéis e pousadas da cidade já estavam reservados.

O economista Jean Carlos Pontes Lopes, 41, disse que já havia concordado em ir a Búzios com alguns amigos, mas apesar do local de residência já confirmado, a questão das viagens já foi considerada. Vamos em 3 casais com as crianças. A casa em que entramos é grande, então há muito espaço para não ficarmos superlotados. Mas com esta fechadura eu estava com muito medo de pegar tráfego!

A Prefeitura de Búzios informou que, desde o início da pandemia, vem controlando a entrada de pessoas na cidade e conscientizando moradores e turistas sobre a importância do distanciamento social e do uso de máscaras.

Ainda em nota, o município garantiu que todos os segmentos comerciais passassem por curso de medidas preventivas contra a Covid-19, de forma a reabrir gradualmente e com a máxima segurança.

Questionada sobre os eventos da festa de Reveillon, a prefeitura disse que nenhum está autorizado e todos serão analisados. Em relação aos leitos, o município já cumpriu integralmente o TAC e vai acrescentar mais seis leitos de UTI.

 

O período de pandemia da covid-19 tem proporcionado um grande desequilíbrio em relação aos padrões de sono e hábitos diários. 

O estresse e a ansiedade, causados pelos momentos de incerteza, podem motivar a negligência da higienização bucal e da alimentação, estimulando problemas na cavidade oral, que podem ser perigosos para o surgimento de doenças que acometem todo o corpo.

Mas você sabia que a limpeza inadequada dos dentes tem um importante papel no agravamento da infecção pelo coronavírus?

Efeitos do coronavírus no organismo

Estima-se que o período de incubação da doença seja de 14 dias, desde o momento da infecção. Nesse período, o paciente, que já está infectado, ainda pode não apresentar nenhum sinal da enfermidade.

De início, o vírus agirá causando sintomas parecidos com uma gripe forte. Por isso, o paciente pode começar a apresentar dores de garganta, coriza e, por fim, a febre.

No entanto, é possível que essa fase seja silenciosa e não haja qualquer tipo de sintoma. Mas não se engane: a doença é transmitida para os outros, mesmo sem nenhuma manifestação.

Se o sistema imunológico não for capaz de combater o vírus, antes da sua chegada aos pulmões, o paciente pode começar a apresentar sintomas mais graves como a falta de ar e a queda nos níveis de oxigenação do sangue.

Isso porque a covid-19 irá atacar os alvéolos pulmonares, começando um processo inflamatório no tecido. 

O alvéolo é responsável por adicionar oxigênio ao sangue e remover o gás carbônico, o que possibilita a respiração adequada e o suprimento necessário de ar para todo o organismo. Isso significa que a inflamação pode alterar essa troca.

Desse modo, a falta de oxigênio e a infecção de outras partes do corpo, pode apresentar complicações como:

  • Falência respiratória;
  • Choque séptico;
  • Falência múltipla de órgãos;
  • Acidente Vascular Cerebral (avc);
  •  Meningoencefalite, entre vários outros problemas na saúde.

Por isso, é muito importante evitar que o vírus consiga atingir o sistema respiratório. Mas, afinal, como fazer isso?

Como a Covid-19 afeta a saúde bucal?

O coronavírus é uma doença viral, por isso a infecção acontece por meio do processo de respiração – pela inalação de micropartículas presentes no ar – e pela boca, seja aspiração ou contato. Há ainda o risco de contaminação pela mucosa ocular, por meio da mão.

Além disso, estudos recentes apontam que patologias que envolvem a inflamação bucal, como a periodontia, podem ter uma grande parcela de responsabilidade no agravamento da infecção do vírus no pulmão.

A periodontia é a piora de uma infecção gengival que passa a afetar os tecidos de sustentação dos dentes e dos ossos faciais. 

Essa inflamação pode atingir o sistema circulatório e se espalhar para diversas partes do corpo, dando origem desde problemas cardiovasculares até o nascimento prematuro, em gestantes.

Quando o vírus da covid-19 está localizado na boca, ele é capaz de se reproduzir mais rapidamente nas glândulas salivares e na própria saliva. 

A partir daí, é possível a sua entrada nas feridas periodontais e alcance ao sistema circulatório com maior facilidade. 

Dessa forma, a infecção viral chega ao coração e pulmão com mais rapidez e, em grandes quantidades, tornando o quadro de coronavírus ainda mais grave.

Por isso é importante cuidar da saúde bucal, regradamente, neste período de pandemia, especialmente se o paciente possui um implante dentário ou qualquer outra intervenção cirúrgica na região gengival e ósseo-facial.

Dicas para prevenir doenças bucais durante a pandemia

Todo o estresse causado por esse período de incertezas e as preocupações em relação à saúde, além das mudanças na rotina diária, pode afetar de diversas maneiras a nossa relação com a alimentação e higienização oral.

Higiene

O maior consumo de produtos industrializados, ricos em açúcares e gorduras aumenta a quantidade de bactérias bucais causadoras de cáries e inflamações gengivais. 

Assim, é fundamental a escovação bem feita de toda a cavidade bucal e dos acessórios ortodônticos, como o aparelho dental invisivel, para evitar a contaminação.

O uso do fio dental e do enxaguante bucal também são fortes aliados no combate a doenças bucais e remoção de bactérias.

Alimentação e atividade física

A manutenção de uma imunidade e resistência para combater doenças pode ser alcançada a partir de uma dieta rica em nutrientes, como as vitaminas C, D, B12, ácido fólico, zinco e ferro. 

Além disso, a realização de exercício físico regular pode fortalecer o sistema respiratório e circulatório, deixando o corpo mais forte e resistente a patologias.

Tratamento odontológico

O acompanhamento odontológico é fundamental para manter a saúde intacta, no entanto é necessário frisar que, neste momento, o indicado é realizar apenas os procedimentos essenciais, até que a flexibilização retorne.

Contudo, compreende-se que a qualidade do sorriso também se mostra fundamental para prevenção do Sars-Cov-2. 

Assim, com as devidas medidas de segurança, os processos de manutenção dos procedimentos ortodônticos, como o aparelho invisivel, podem ser mantidos. Inclusive, a realização de tratamentos de prevenção e urgentes não podem ser negligenciados.

Em contrapartida, devido aos altos índices de contágio, para os tratamentos cosméticos indica-se aguardar e avaliar junto ao profissional o melhor momento e agenda para a realização.

Assim, conforme a disponibilidade e desejo do paciente, é possível entrar em contato com o dentista para iniciar o processo.

Inicialmente, pode-se realizar uma consulta virtual para sanar dúvidas quanto à metodologia, viabilidade, materiais e preços de procedimentos como o clareamento dental ou o implante dentário, bem como manifestar o desejo. 

Com isso, o profissional consegue orientar quanto ao procedimento e indicar as medidas de segurança para acesso à clínica.

No caso da consulta presencial, é imprescindível realizar junto aos pacientes que estão sofrendo com algum tipo de sangramento contínuo ou em grandes quantidades, dores severas, infecções gengivais ou que tenham sofrido algum tipo de lesão nos ossos faciais.

Danos superficiais que possam ter ocorrido na lente de contato dental, precisarão de orientação odontológica que pode ocorrer online, inicialmente, para a análise da necessidade de manutenção. 

Ademais, qualquer procedimento não urgente, indica-se que seja adiado até um momento mais seguro, para o paciente e para os dentistas e auxiliares.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Lógica de Mercado, uma rede de conteúdos para alavancar negócios e proporcionar mais qualidade de vida e saúde.

Os tratamentos odontológicos tem se modificado muito nos últimos tempos, de modo a se tornarem mais eficientes e seguros, tanto para os pacientes como para os profissionais que operam todas as estruturas do tratamento.

Com uma grande quantidade de procedimentos e tratamentos, como aparelho ortodôntico, clareamento, facetas de porcelana e muitos outros, muitas dúvidas surgem como: “Quais procedimentos podem ser feitos primeiro?”, “É possível fazer mais de um procedimento ao mesmo tempo?”.

Podem surgir também questionamentos quanto à segurança de fazer vários procedimentos e quais os impactos diretos na saúde, entre outros.

Para sanar essas dúvidas e dar exemplos, o presente artigo tentará mostrar a conciliação dos tratamentos odontológicos e quais as atenções que precisam ser tomadas.

Portanto, confira abaixo mais informações desse tema que é de grande importância para quem deseja realizar uma reabilitação dentária por completo, que inclua do clareamento dental até o aparelho ortodôntico.

Aparelhos ortodônticos e clareamentos dentais

Um dos procedimentos mais importantes para o alinhamento dos dentes e o conserto de suas estruturas é o aparelho ortodôntico. Na maioria dos casos, ele é o primeiro tratamento de uma série que pode ser realizada e atua a longo prazo, trazendo benefícios extremamente importantes para os pacientes.

Entretanto, muitas pessoas ficam em dúvida se é possível realizar outro tipo de tratamento dos dentes enquanto estiver com o aparelho, principalmente o clareamento dental.

Isso acontece pois o uso contínuo dos fios e dos bráquetes pode tornar os dentes mais amarelados e manchados.

Assim, os pacientes ficam em dúvida se esses tratamentos podem ser feitos juntamente com o aparelho de dente para otimizar o processo e manter um sorriso bonito. 

Por isso, nos próximos tópicos abordaremos sobre a possibilidade ou não desse intercâmbio de procedimentos.

Contra indicações do clareamento durante o uso do aparelho

Existem algumas contra indicações para a realização em simultâneo do clareamento e do uso de aparelho. A primeira delas diz respeito ao deslocamento dos braquetes. 

Como o procedimento clareador é feito com uma substância à base de peróxido de hidrogênio, em sua maioria em gel, mas encontrado também em líquido ou creme, penetra no esmalte dental, que faz com com que as resinas que colam os braquetes se descolem.

Isso faz com que o aparelho necessite de mais manutenções e ajustes. Outra contra indicação é o risco de infiltrações nos dentes. 

Como vimos, a substância de peróxido de hidrogênio afeta as resinas, como as restaurações, o que pode gerar infiltrações e aparecimento de cáries.

Em pacientes com o aparelho fixo (diferente do aparelho transparente que é móvel), a higienização é mais difícil, por conta dos fios e braquetes, o que faz com que as infiltrações piorem, podendo até causar manchas por conta das estruturas agirem como uma certa barreira.

É recomendável fazer o clareamento dental antes do aparelho?

Os dentistas recomendam que o clareamento dental não seja feito antes da colocação do aparelho, principalmente porque o uso dos bráquetes escondem uma parte do dente e podem impactar em sua coloração.

Assim, as partes que foram expostas ao clareamento, escurecem com o tempo (o que é normal) e a parte dos braquetes não, dessa maneira, quando o paciente retirar o aparelho, o dente ficará com uma marca no formato do braquete mais branco do que o resto do dente.

Dessa maneira, o clareamento dental só é recomendado em pacientes que usam os alinhadores invisíveis, já que são móveis e podem ser retirados para higienização, bem como podem ser conciliados - já que as estruturas são semelhantes.

Clareamento ou facetas dentárias?

Um dos problemas para o qual os dentistas são mais procurados é quanto à coloração dos dentes. Nesse sentido, hoje existem diversos procedimentos que tratam dessa coloração e contribuem para sua recuperação/melhora.

Uma delas é o clareamento dental que vimos acima, que pode ser feito com substância clareadora tanto em formato gel como líquida. 

Apesar disso, novas opções de procedimentos surgem a cada dia e um dos mais recentes é a lente de contato dental, ou mesmo a colocação de faceta dentária.

As facetas dentárias são lâminas ultrafinas de porcelana colocadas sob os dentes e que deixam os dentes mais brancos, também atuando na modificação do formato e tamanho dos dentes.

Em alguns casos, o clareamento pode ser feito antes da colocação das facetas, em outros casos, o segundo ou o primeiro procedimento não precisam ser feitos. 

Segundo especialistas, tudo dependerá do caso do paciente, entre outros elementos como a existência de:

  • Restaurações;
  • Obturações;
  • Resinas;
  • Aparelho.

Isso porque o clareamento, por exemplo, não atua em implantes e algumas restaurações. Já outros procedimentos precisam ser realizados antes da colocação das facetas, já que - geralmente - elas possuem apenas características estéticas e não estruturais.

Já os quadros em que conciliar o clareamento e a faceta são indicados é quando a faceta visa cobrir manchas ou trincados em dentes específicos, sendo o desejo também recuperar a coloração. Assim, o clareamento é feito na dentição e a faceta - posteriormente - é colocada nas estruturas mais danificadas para recuperar o sorriso.

Deste modo, vimos que é possível fazer mais de um tratamento odontológico ao mesmo tempo, mas que é sempre preciso o aconselhamento e orientação do dentista. 

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações, dicas e conteúdos ricos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

A Covid-19, doença ocasionada pelo novo coronavírus, tem espalhado e feito grandes estragos no mundo desde o mês de janeiro de 2020.

Esses danos do vírus, causando mortes e sequelas em muitos pacientes que sobrevivem a ela, atinge milhares de brasileiros.

Com uma segunda onda ainda em alta e o medo de uma terceira onda, as pessoas buscam então por formas de conseguir proteger aos seus entes queridos contra possíveis riscos a que estão expostas.

Sendo assim, a procura por seguro de vida tem crescido e um questionamento feito é: o serviço cobre o coronavírus?

Isso é o que nós iremos lhe mostrar.

O seguro de vida cobre o coronavírus?

A resposta é sim, o seguro de vida já cobre o coronavírus.

Assim, para que aconteça da covid-19 vir a ser coberta nas apólices de seguro de vida, as seguradoras passaram a rever totalmente as condições gerais do serviço que é oferecido.

Isso ocorre devido ao fato de que as pandemias são consideradas como sendo riscos excluídos, o que significa que elas não são cobertas pelos seguros de vida.

Desde o momento em que a OMS passou a dar ao coronavírus o “status” de uma pandemia, o que começou em 11 de março de 2020, as seguradoras não estavam obrigadas a dar cobertura para a morte ocasionada pela covid-19.

Entretanto, elas passaram a perceber que esse é um momento único no mundo, então as pessoas necessitam desse auxílio para si e também para seus parentes.

A partir daí, as seguradoras então passaram a cobrir a covid-19, ocasionada pelo novo coronavírus.

Desde que o primeiro caso de covid-19 foi confirmado aqui no Brasil, através do Ministério da Saúde, então houve um enorme crescimento na busca por seguros de vida.

Coronavírus: Como o seguro de vida funciona nesses casos?

A partir do momento em que os seguros de vida passaram a cobrir o coronavírus, por conta das mudanças com relação à pandemia ser um risco excluído, nada mais normal do que surgirem dúvidas.

As pessoas que já tinham um seguro de vida antes do início da pandemia são totalmente livres de qualquer carência, com relação aquelas coberturas que estão ligadas de forma direta à covid-19.

É o caso de morte, despesas médicas ou assistências funerais, por exemplo.

Entretanto, para aquelas pessoas que passaram a fazer a contratação do seguro de vida a partir do início da pandemia, sempre há que se consultar não só os planos, mas as condições, incluindo as carências que são aplicadas.

Covid-19: Saiba quais são as coberturas feitas pelo Seguro de Vida

Cobertura em caso de morte

No caso de uma pessoa que morre devido ao novo coroavírus, ou ainda de morte natural ou devido a um acidente sofrido pelo segurado, então a empresa irá pagar a indenização para as famílias e também para os outros beneficiários.

Esses demais beneficiários precisam estar descritos, caso existam, na apólice do seguro.

O valor da indenização a ser pago deverá estar estipulado no contrato assinado pelo segurado.

Sem dúvidas, essa é uma das mais importantes coberturas, pois ajudam bastante aquelas famílias que perderam uma pessoa querida, de modo que elas possam ter um auxílio financeiro para reconstruírem suas vidas.

Cobertura para Assistência Funeral

A assistência funeral, ao contrário da cobertura para morte, é distinta e trata-se de uma cobertura que é adicional, o que indica que ela pode vir a ser incluída na apólice, desde que o segurado possua interesse.

A cobertura tem o objetivo principal de estar custeando aquelas despesas que são referentes a questões como o funeral do segurado.

No caso da morte por conta da covid-19, a limpeza realizada no corpo, a preparação do corpo para o velório e o enterro ou a cremação vão ser realizadas de acordo com as recomendações feitas para autoridades de saúde.

Cobertura para despesas médico-hospitalares

Essa cobertura é também adicional, e com ela, o segurado irá ter o direito de ser reembolsado ou poderá ser atendido até aquele valor que é contratado para os ambientes hospitalares.

Isso significa que os gastos com médicos e com hospital, devido ao tratamento da covid-19, são cobertos pelo seguro, sempre considerado o que foi assinado na apólice.

Seu sofá de couro sintético está descascando ou está sujo e você não sabe o que fazer? Acalme-se, pois a seguir mostraremos dicas úteis para você que pretende manter seu sofá em um bom estado ou que procura informações sobre como limpar sogá de couro preto. Caso prefira uma empresa de limpeza pode fazer este serviço com excelência também.

Porque o couro do sofá descasca?

A principal diferença entre o couro sintético e o couro ecológico é que o primeiro tipo de couro é desenvolvido com compostos químicos semelhantes aos do tipo vinil ou resina (como o poliuretano). O segundo tipo é desenvolvida através de recursos sustentáveis, como a borracha extraída da seringueira. 

Com o tempo, essas duas versões de "couro falso" tendem a rachar devido à secagem do material, o que, na verdade, faz com que o tecido desmorone até ser descartado.

Para couros de origem animal, existem alguns produtos especiais que podem hidratar o couro e evitar que resseque, o que pode prejudicar a qualidade do material. E saiba que uma peça 100% couro, se não for bem cuidada, pode servir para o mesmo fim.

Hidratação para manter o couro em bom estado

Para as peças feitas com couro sintético ou ecológico ter uma vida útil prolongar, você pode usar produtos baratos e já pode ter esses produtos em casa. Pode ser um creme capilar, hidratante corporal ou óleo essencial.

Basta aplicar o produto por toda a peça até que o "couro falso" absorva bem o produto. Assim como quando a pele está seca, essas substâncias oleosas hidratam a pele e evitam o ressecamento, rachaduras e esfarelamento. Vale lembrar que uma empresa de limpeza pode cuidar disso para você com produtos específicos.

Ressaltamos que essa técnica só vai prolongar o tempo de vida útil do seu sofá, pois mais cedo ou mais tarde o material se desgastará e poderá rachar e ficar esfarelado. Lembrando que esta dica para limpar sofá de couro preto vale para prevenção, não terá o mesmo efeito quando já existirem rachaduras no sofá.

Falando nisso, descobrimos que a lei proíbe o uso do termo “couro” na venda de produtos desse tipo. A afirmação correta é falar apenas de materiais sintéticos ou ecológicos.

Dicas para limpeza e hidratação de sofá de couro preto

Você sabia que existem algumas dicas importantes sobre como hidratar e limpar sofá de couro preto e fazer com que durem mais? Esse é um item que está sempre exposto em sua casa, e por esse motivo, precisa ser macio e bonito o tempo todo. Caso contrário, sem a atenção para cuidar, hidratar e fazer a manutenção do material pode fazer com que as peças pareçam desgastadas, trincadas, rígidas, endurecidas ou mesmo malcheirosas.

Portanto, neste artigo, vamos discutir uma maneira ideal de hidratar um sofá de couro, que servem para praticamente qualquer peça produzida com o mesmo material, mantendo suas características originais de forma impecável. 

 

É importante enfatizar que a hidratação é a etapa básica na manutenção dos materiais. Isso significa que deve ser feito para manter as peças duráveis. Uma boa empresa de limpeza pode ser uma saída considerável para você que não possui os produtos em casa ou que não tem tempo para fazer a limpeza e hidratação.

Veja a seguir 5 dicas para aumentar a vida útil do seu sofá de couro:

Leia as instruções da peça

Antes de realizar qualquer coisa, verificar o rótulo das peças para obter quaisquer especificações é importante. Geralmente, quando feitas no mesmo material do sofá, as jaquetas de couro podem receber os mesmos cuidados, mas em alguns casos, além de restringir o uso de determinados produtos, os itens feitos de couro também precisam ser lavadas ou secadas de forma diferente.

Portanto, lembre-se sempre de verificar o rótulo do produto. Você também pode encontrar a temperatura de lavagem ideal e quais produtos são adequados para a limpeza. Caso não quira arriscar, uma empresa de limpeza pode ser que grande valia nesse momento, pois ela pode ter mais conhecimento e experiencia com esse tipo de limpeza.

O sofá deve estar limpo e seco antes da hidratação

Outro ponto importante é antes da hidratação limpar sofá de couro preto para retirar a sujeira da superfície. Para fazer isso, limpe toda a superfície do sofá com um pano ligeiramente úmido. Se houver manchas, você poderá usar um pouco de sabão neutro para removê-las.

Após concluir esta operação, elimine o excesso de água do produto com um pano seco e, em seguida, deixe-o em local ventilado até que esteja completamente seco, caso contrário o efeito hidratante será diferente.

Os hidratantes usados devem ser específicos para couro

Com o sofá limpo, é hora de hidratá-lo. Existem produtos caseiros que podem ser usado para a hidratação, como o azeite, óleo de amêndoa e vaselina líquida. Porém, prefira sempre utilizar os produtos que são feitos especificamente para o material do sofá, o couro sintético ou ecológico, como os condicionadores de couro.

Caso não tenha conhecimento dos produtos específicos para o material do seu sofá, ou não sabe aplicá-lo, para manter o seu sofá em bom estado, e não correr risco de problemas, recomendamos a contratação de uma empresa de limpeza para realizar esta atividade. É importante citar que os produtos próprios para determinado material auxiliam na hidratação mais eficaz e ainda protege as peças.

Utilize um pano macio

A hidratação deve ser realizada cerca de 3 a 4 vezes por ano, ou quando necessário. Aplique o hidratante com um pano macio e seco seguindo as recomendações do fabricante. Casso o produto possua uma esponja, aplique-a suavemente no produto sem fazer força. 

Normalmente, o produto aplicado é deixado para agir por alguns minutos e, em seguida, o excesso de produto é removido conforme necessário. Após terminar, deixe o sofá em um lugar que não haja incidência do sol e que seja ligeiramente arejado, para a sacamento ser feita naturalmente.

Não limpe o sofá de couro sitético com água

Se ficar sujo, opte por tentar usar um detergente neutro em um pano seco ou na superfície macia de uma esponja para remover a mancha. Álcool também pode ser usado, mas cuidado com o excesso. Tenha paciência para remover toda a sujeira, pois há uma grande chance de estragar o seu sofá fazendo a limpeza com pressa ou usando muita força ao esfregar. Para secar, coloque-o em local bem ventilado, pois o calor só vai causar rachaduras.

Cuide do sofá

Por fim, os cuidados com o sofá devem ser mantidos mesmo após a hidratação, para terem uma duração maior e permaneçam bonitos o tempo todo. Por exemplo, a exposição contínua à luz solar e ao calor pode fazer com que o objeto descasque. Portanto, não coloque ao sol para secar e não use um ferro elétrico.

Também é importante deixar o seu sofá limpo e hidratado em local seco, fresco e ventilado. Isso previne a aparição de fungos e evita uma peça muito enrugada. Além disso, lembre-se de verificar se está completamente seco. A umidade acumulada pode causar mofo.

Agora que você já sabe como hidratar e limpar sofá de couro preto ou de qualquer outra cor, aproveite ao máximo as dicas que te passamos e hidrate seus sofás de couro para terem uma duração maior e fiquem mais bonitos.

Participantes, Design, Estímulos e Procedimento

Os alunos da Cornell University participaram de um estudo computadorizado ( N= 104) e receberam $ 5.

O estudo empregou um design fatorial misto 2 (complexidade do estímulo: não palavras complexas, não palavras simples, palavras simples), com complexidade de estímulo e replica como fatores dentro dos sujeitos e mentalidade construtiva como um fator entre assuntos.

Além disso, medimos as diferenças individuais na ansiedade da tarefa como uma variável contínua.

Este estudo consistiu em duas tarefas aparentemente não relacionadas - uma tarefa de geração de palavras e uma tarefa de pronúncia.

A primeira tarefa foi usada para ativar a mentalidade construtiva e a segunda foi o teste principal, no qual medimos o efeito da mentalidade construtiva na avaliação da dificuldade da tarefa.

Os participantes foram designados aleatoriamente para a condição de mentalidade construtiva abstrata ou concreta.

Tarefa de geração de palavras

Para manipular a distância psicológica, usamos uma tarefa de geração de palavras que tem sido usada com sucesso para induzir a construção abstrata e concreta (Fujita et al. 2006) Os participantes viram 39 palavras, como “Soda”, “Computador”, “Jornal” e “Professor”, uma de cada vez na tela do computador.

Para cada palavra-alvo, os participantes tinham que pensar em uma palavra relacionada e inseri-la em uma caixa de resposta aberta usando o teclado.

Aqueles atribuídos à condição abstrata foram instruídos a gerar um rótulo de categoria superior para cada palavra, respondendo à pergunta, "_________ é um exemplo de quê?" Aqueles na condição concreta foram instruídos a gerar um exemplar subordinado para cada palavra, respondendo à pergunta: "Um exemplo de __________ é o quê?" Depois de concluírem esta tarefa, os participantes foram agradecidos e solicitados a prosseguir para o teste principal, a tarefa de pronúncia.

Tarefa de Pronúncia

No teste principal, os participantes tiveram que pronunciar 36 sequências de letras e avaliar a dificuldade de pronunciá-las.

Os estímulos incluíram 12 não palavras ortograficamente irregulares que são difíceis de pronunciar por exemplo, paralelepipedo e 12 não palavras ortograficamente regulares simples que são fáceis de pronunciar por exemplo, tensão e 12 palavras normais simples que são fáceis de pronunciar por exemplo, estação.

Os estímulos usados na tarefa, adaptados de Whittlesea e Williams 2000, estão listados no  apêndice .

Os participantes receberam um estímulo de cada vez. Os estímulos foram apresentados em uma ordem aleatória determinada pelo programa de computador.

Para cada estímulo, pedimos aos participantes que lessem em voz alta em tom suave e, em seguida, relatassem a sensação de dificuldade experimentada ao pronunciá-lo.

Todos os participantes usaram fones de ouvido durante o estudo para evitar serem incomodados quando outros participantes lessem as palavras em voz alta.

Cada estímulo foi exibido no centro da tela, e abaixo dele havia uma escala de 7 pontos não marcada ancorada em “difícil” na extrema esquerda e “fácil” na extrema direita.

As respostas foram codificadas como −3 e 3 para “difícil” e “fácil”, respectivamente. O computador registrou discretamente o tempo de resposta para cada estímulo.

Ansiedade de tarefa

Subsequentemente, medimos as diferenças individuais na ansiedade associada à tarefa de pronúncia das letras.

Em uma escala não marcada de 7 pontos, os participantes relataram até que ponto concordavam com duas afirmações: "Sinto-me 'ansioso' ou 'nervoso' pela segunda afirmação por ler em voz alta palavras desconhecidas em um local público" (âncora à esquerda: discordo totalmente; âncora certa: concordo totalmente).

Para garantir que as medidas capturassem com eficácia sua ansiedade de tarefa, dissemos aos participantes que algumas pessoas se sentem muito à vontade para pronunciar palavras desconhecidas em público, enquanto outras se sentem menos à vontade para fazê-lo.

Resultados

Verificação de manipulação: mentalidade abstrata

Dois juízes que desconheciam a condição analisaram o nível de interpretação de cada participante com base na abstração de suas respostas na tarefa de geração de palavras (os dados foram codificados como 1 para respostas abstratas e -1 para respostas concretas).

As avaliações dos dois juízes foram altamente correlacionadas (r = 0,99, p <.. 01) e foram calculadas a média para criar um único índice de abstração.

Como esperado, as respostas dos participantes que geraram rótulos de categoria foram significativamente mais abstratas do que aquelas da condição exemplar ( M abstrato = 36,6 vs. M concreto = −35,1; F (1, 102) = 2.004,9, p <.. 01) .

Caso esteja precisando de ajuda, visite uma clínica de psicologia para melhorar seu cotidiano!